Resenha - Julieta


Sinopse: "Julie Jacobs e sua irmã gêmea, Janice, nasceram em Siena, na Itália, mas desde os 3 anos foram criadas nos Estados Unidos por sua tia-avó Rose, que as adotou depois de seus pais morrerem num acidente de carro. Passados mais de 20 anos, a morte de Rose transforma completamente a vida de Julie. Enquanto sua irmã herda a casa da tia, para ela restam apenas uma carta e uma revelação surpreendente: seu verdadeiro nome é Giulietta Tolomei. A carta diz que sua mãe havia descoberto um tesouro familiar, muito antigo e misterioso. Mesmo acreditando que sua busca será infrutífera, Julie parte para Siena. Seus temores se confirmam ao ver que tudo o que sua mãe deixou foram papéis velhos – um caderno com diversos esboços de uma única escultura, uma antiga edição de Romeu e Julieta e o velho diário de um famoso pintor italiano, Maestro Ambrogio. Mas logo ela descobre que a caça ao tesouro está apenas começando. O diário conta uma história trágica: há mais de 600 anos, dois jovens amantes, Giulietta Tolomei e Romeo Marescotti, morreram vítimas do ódio irreconciliável entre os Tolomei e os Salimbeni. Desde então, uma terrível maldição persegue essas duas famílias. E, levando-se em conta a linhagem e o nome de batismo de Julie, ela provavelmente é a próxima vítima. Tentando quebrar a maldição, ela começa a explorar a cidade e a se relacionar com os sienenses. À medida que se aproxima da verdade, sua vida corre cada vez mais perigo. Instigante, repleto de romance, suspense e reviravoltas, Julieta – livro de estreia de Anne Fortier – nos leva a uma deliciosa viagem a duas Sienas: a de 1340 e a de hoje."



Julie Jacobs é apaixonada por literatura, e desde criança, sua maior fixação sempre foi Willian Shakespeare em especial a história de Romeu e Julieta.
Julie vê sua vida mudar completamente quando recebe a notícia do falecimento da sua tia-avó Rose, mulher que criou ela e sua irmã gêmea, Janice, desde que elas tinham 3 anos.
Após o enterro um advogado o lê o testamento da tia, onde diz que ela deixou a casa para Janice, alguns quadros e outras lembranças para, Umberto, o mordomo da casa, e para Giulietta, ela deixou apenas uma carta. Isso a deixa um pouco irrita pois sempre achou que a tia trava as duas como iguais e nunca tinha mostrado preferência por Janice.
A carta dizia que a mãe das gêmeas, antes de falecer, havia escondido um tesouro em um banco na cidade de Siena na Itália. Ela também descobre que seu nome verdadeiro é Giulietta Tolomei, e com ajuda e os conselhos de Umberto, ela consegue um passaporte com o nome verdadeiro e parte para Siena em busca desse tesouro.

"Eu havia nascido ali, ainda assim de repente me senti uma estranha - uma intrusa - que havia entrado sorrateiramente pela porta dos fundos, para encontrar e reivindicar algo que nunca lhe pertencera."

Logo ao desembarcar na Itália, ela conhece uma mulher distinta chamada Eva Maria Sanlimbeli, e traves dessa mulher, ela descobre que o sobrenome Tolomei faz parte da história de Siena. Giulietta também conhece Alessandro, sobrinho de Eva Maria, ele não gosta nada de conhecer Giulietta.

"O essencial não é o que a maioria das pessoas pensa. Na minha opinião, sua história e também Romeu e Julieta não têm a ver com o amor. São sobre política e a mensagem é simples: quando os velhos brigam, são os jovens que morrem."
 
Ao conseguir acesso ao cofre da mãe, Giulietta descobre que o “tesouro” era apenas papeis, cartas, um diário antigo de um famoso pintor italiano, Maestro Ambrogio, uma cópia do livro Romeu e Julieta de Willian Shakespeare, e um caderno de desenhos. Através destes achados, ela descobre muito sobre uma antiga rivalidade entre três famílias, os Tolomei, os Marescotti e os Salimbeni. Também encontra histórias sobre um casal, chamado Giulietta Tolomei e Romeo Marescotti que podem ter dado origem ao romance de Shakespeare. E a Julieta em questão é uma antepassada que possuiu o mesmo nome que ela.
Junto com a toda a história ela descobre que em algum lugar em Siena está escondido um grande tesouro que foi feito em homenagem a Giulietta Tolomei e Romeo Marescotti. Julie se mete em uma busca onde não pode contar com ninguém e a ajuda pode vir de onde ela menos espera.

“Dizem também que, para minha sorte, o que me acolheu no mundo subterrâneo não foram rochas nem demônios. Foi o antigo rio que nos desperta dos sonhos e que poucos tiveram permissão de encontrar.
O nome dele é Diana.”

Adorei esse romance, ele é cheio de mistérios, ação e emoção. Conta a história de Romeo e Giulietta do passado, enquanto no presente, começa a desenrolar uma nova história muito parecida.

“Tivéssemos ou não sido verdadeiramente amaldiçoados e houvéssemos ou não quitado nossa dívida agora, ele era a minha benção e eu era a sua, e isso era o bastante para desarmar qualquer míssil que o destino - ou Shakespeare - ainda tivesse a tolice de lançar contra nós.”

E nem pense em julgar o livro pensando que se trata de uma imitação cheia de clichês da obra original de Shakespeare. “Julieta” tem seus diferenciais, e nos traz uma nova perspectiva de uma história que todo mundo conhece.




7 Gostou? Comente!:

  1. Oi!
    O livro tem uma premissa bem interessante.
    Adorei essa relação com os livros.
    Vou adicioná-lo a minha lista de desejos.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    Construindo Estante || Facebook

    ResponderExcluir
  2. Nunca li, parece ser ótimo! Adorei a resenha, ficou maravilhosa.
    www.espacegirl.com

    ResponderExcluir
  3. Sem duvida se tem um clássico que eu amo, é Romeu e Julieta, adorei saber que a trama é um balanceado entre o passado e o presente, fiquei curiosa!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  4. ótima resenha <3
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Livro com Ação, Mistério e romance já gostei, a sinopse chama a atenção e a resenha só complementa isso, parece ser uma história interessante.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Parce lindo! Sou louca por ele, assim q entrar na promoção vou comprar! Hahahhah
    Beijos Juh!
    www.moradadolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi! Tudo bem?
    Eu já havia lido a respeito desse livro, mas mesmo tendo uma premissa bacana eu não consegui ficar interessada, sabe?! Mas adoro releituras e livros que foram inspirados em clássicos.
    Beijinhos,
    Andréia - StarBooks

    ResponderExcluir

Obrigada por participar!!
Não esqueça de curtir a página do blog no face...
https://www.facebook.com/umminutoumlivroblog

 

© Template elaborado por Cantinho do Blog. Clique aqui e Encomende o seu! - 2015. Todos os direitos reservados.Imagens Crédito: Valfré