Resenha - Romance com o Duque

 Lá vem eu com outra série...
A Gutenberg está me falindo com esses livros gente, vocês não tem noção! rs
Como estão?

Isolde Ophelia Goodnight, Izzy para os íntimos, é filha de um famoso escritor. Como cresceu rodeada por histórias de contos de fadas, ela vive em busca da grande mudança de sua vida, do herói que irá salvá-la e, com um beijo de amor verdadeiro, tornar tudo perfeito.
Porém, a vida trata de mostrar a Izzy que ela está no mundo real e, com o passar dos anos, ela passa a desacreditar nesses contos de que tanto amava. Ela era um patinho feio que não se transformou num cisne, sapos não viram príncipes e nenhum veio resgatá-la depois dela ter ficado órfã  e vira todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa, e pior: para um primo que simplesmente a odeia.
Entretanto, a história de Izzy tem uma grande reviravolta ao descobrir que ela herdou um castelo em ruínas em uma cidade distante.

Prezada Srta. Goodnight,
É meu dever como executor infirmá-la que o Conde de Lynforth faleceu. Em seu testamento, ele deixou para você - e para cada uma de suas afilhadas - um legado. Por favor, procure-me no Castelo Gostley, perto de Woolington, no condado de Northumberland, no próximo 21 de junho para resolvermos os detalhes da sua herança.
Atenciosamente,
Frederick Trent, Lorde Archer

Desse modo, com suas últimas economias, uma única mala e com estômago vazio, Izzy viaja para o seu novo e único lar, mas o que ela não imagina é que o castelo já vinha com um duque...
Um lindo, poderoso, arrogante e misterioso Duque, que não a quer de jeito algum em seu castelo, porém ao ver que a dama em questão não arredará o pé da propriedade, ele acaba importunando-a e mostrando as piores partes do castelo para que ela veja no que se meteu e vá embora.

Ransom estava para soltá-la quando Izzy se agarrou a ele com uma força repentina.
"Ajude-me", o sussurro dela foi trêmulo. Seu corpo também tremia.
"O que foi?", ele perguntou.
" M-m-morcego."
"Os m-m-morcegos já foram embora, Srta. Goodnight." Ele respondeu tentando controlar o riso.
"Não, não foram. Não foram. Tem um preso no meu cabelo."
"Não tem nada no seu cabelo. Esse é um conto da carochinha. Morcegos não ficam presos nos cabelos das pessoas."
"Tem.Um.No.Meu.Cabelo." Ela pronunciou as sílabas uma a uma, levantando meio tom em cada palavra. Para então soltar um guincho frenético e estridente: "Tire isso daí!"
Com certeza, morcegos normalmente não ficam presos no cabelo das pessoas. Mas ele tinha esquecido que o cabelo dela não era normal. Aquela juba encaracolada podia aprisionar um coelho. Ou talvez um cavalo, até!
Ransom teve receio, enquanto enfiava os dedos nos cachos densos dela, de que aquele cabelo fosse aprisioná-lo.

Vendo que os castelo em ruínas não está surtindo efeito, o duque muda de tática, resolvendo assustá-la com sua virilidade.

Mas enquanto ele a beijava, algo saiu muito, muito errado.
Dessa vez ela retribuiu o beijo. Não com mera curiosidade ou entusiasmo inexperiente, mas com uma paixão encantadora, desenfreada, que fez doer seus ossos.
(...)
Ransom não sabia se sua estratégia de Cuidado-Com-Meus-Beijos-Perigosos estava tendo algum efeito em Izzy Goodnight, mas ele sabia de uma coisa... Aquele beijo o deixou completamente sem chão.

Não surtindo efeito com sua "sedução", Ransom simplesmente lava ás mãos e resolve então ignorá-la e evitá-la a todo o custo.

"Você está acordado?", ela sussurrou.
De novo, não.
Ransom esfregou o rosto.
"Agora estou", ele respondeu.
Jesus Cristo, isso tinha que parar.
Já fazia quase uma semana desde que ela tinha chegado e Ransom acordava, todos os dias, com o barulho e tagarelice de Izzy Goodnight.
Ele não sabia a que hora da noite ela aparecia na sala. Ele não queria saber. De noite ele bebia até atingir um estupor que o impedia de pensar.
Nos últimos dias ele tinha providenciado para ela uma acompanhante, cobertores, um aquecedor a brasa e uma escrivaninha. O que mais seria necessário para fazê-la continuar em seu maldito quarto até uma hora decente da manhã?

Logo Izzy acaba tendo de fazer um acordo com Ransom, na verdade é mais como uma aposta, quem ganhar simplesmente deixará o castelo. Enquanto essa disputa rola, Izzy começa a conhecer mais sobre o duque e a se aproximar cada vez mais de seus mistérios, já Ransom fica cada vez mais perturbado com a moça, que pode estar tomando, além do castelo, um lugar em seu coração.

Romance com o Duque é o primeiro livro da nova série que a editora Gutenberg nos trouxe da autora best-seller Tessa Dare. A Série Castles Ever After, aborda as histórias das afilhadas do Conde Linforth e seus devidos castelos recém herdados. Como primeiro livro da série, gostei muito e o li rapidamente, Tessa tem uma narrativa fluida e ritmada que, quando o leitor percebe, já terminou o livro. *----* Izzy é uma personagem muito diferente esteticamente das personagens principais que estou acostumada a encontrar nos romances históricos, e isso me surpreendeu de uma maneira muito boa. Já Ransom é um tipo de personagem que gosto demais e adoro quando personagens como ele são explorados em meio á época. Este é um livro que todos os personagens me cativaram de um modo ou de outro, com toda a certeza recomendo esse leitura e lerei os próximos da série. 

Beijos da Bruh

Novidades dos autores parceiros! #2

Olá queridos e belos leitores!! O coelhinho trouxe muito ovos para vocês? Olha, eu preferia ter ganhado livros, mas como sou chocólatra assumida, não me importei nenhum pouco em ganhar chocolate (mas tenho certeza que vou levar um bom puxão de orelha da nutricionista).
Bem, vamos deixar os chocolates para lá, e vamos as noticias que interessam:

Rennan Hiago está lançando a continuação de Zandrora!

Uma noticia que nos enche de alegria, é o lançamento do segundo livro do Rennan"Alabastro - O fragmento do destino" é a continuação de "Zandrora - a floresta da iluzão" o livro vem cheio de mistérios e contando mais uma aventura de nosso herói Otávio Borges.
O lançamento está previsto ainda para o primeiro semestre desse ano, e a capa já está prontinha. Vejam como ficou bonita!!


Para matar um pouco da curiosidade sobre esse segundo livro, deixo para vocês o book trailer:



Ainda não conhece o primeiro livro?
Entre no link abaixo e leia a resenha do blog:

Beijos,
Juh Bernardo

Resenha - Era uma vez no Outono

Olá pessoas, como estão?

O Segundo livro da série As Quatro Estações do Amor fora uma bela surpresa pra mim, vem ver o que achei!

Era uma vez no Outono, nos traz a história de Lillian Bowman. Ela e Daisy saíram dos Estados Unidos em busca de um marido da aristocracia londrina. Mesmo tendo muito dinheiro, provido da fábrica de perfumes de seu pai, nenhum homem se mostra muito interessado nelas. Por serem estrangeiras, ambas são logo rotuladas pela sociedade. As diferentonas, se unem a Anabelle e Evie para que consigam o tão sonhado matrimônio.

Lillian tem uma personalidade muito forte, mesmo na "caça" de algum pretendente, ela se vê chateada pois parece que nenhum homem consegue ser capaz de fazê-la perder a cabeça.
Até que ela conhece Marcus Marsden, o super arrogante lorde Westcliff, que ela despreza veementemente.
- Sim - disse Lillian, corando um pouco. - Nossos pais nos trouxeram aqui para encontrar maridos. Eles querem injetar sangue azul na linhagem.
- É isso que a senhorita quer?
- Meu único desejo é derramar um pouco de sangue azul - murmurou ela, pensando em Westcliff.
 Marcus é o típico britânico reservado e controlado. Porém algo em Lillian o faz sair de si. Simplesmente não podem ficar juntos que é briga na certa.

Contudo, numa tarde de outono, um encontro inesperado faz com que Lillian perceba que, sob toda a fachada austera, há o homem apaixonado pelo qual ela sempre sonhou. Será que um conde desafiará as convenções sociais a ponto de propor casamento a uma moça tão inapropriada?
- Srta. Bowman, devo lhe pedir desculpas pelo que aconteceu hoje mais cedo. Não sei como explicar meu comportamento, só posso dizer que foi um momento de insanidade que nunca se repetirá.Lillian se enrijeceu um pouco á palavra "insanidade".
- Está bem - disse. - Aceito suas desculpas.
- Pode ficar tranquila, porque de modo algum a acho desejável.
- Entendo, já disse o bastante milorde.
- Mesmo que nós dois fôssemos deixados sozinhos em uma ilha deserta, eu nunca pensaria em me aproximar da senhorita.
- Compreendo - disse ela, sucinta. - Não precisa se estender nesse assunto.
- Só quero deixar claro que o que fiz foi um total desatino. A senhorita não é o tipo de mulher por quem algum dia eu me sentiria atraído.
- Está certo.
- De fato...
- Já foi bastante claro, milorde - interrompeu-o Lillian, franzindo a testa e pensando que certamente aquele era o pedido de desculpas mais irritante que já ouvira.
 Neste segundo livro, Lisa nos apresenta um homem de hábitos rigorosos, uma mulher disposta a quebrar tabus e uma deliciosa batalha entre razão e sentimento quando se trata da busca do amor verdadeiro.
Este livro fora uma leitura deliciosa, esse casal me trouxe muitas risadas devido as situações cômicas em que se aventuram.
Lillian é uma personagem com personalidade forte, que foge as normalidades das moças londrinas e Marcus é tão rigoroso e tão despreparado para o furacão que ela é.
Como já lhes disse na resenha anterior, Lisa aborda nessa série certos preconceitos que a sociedade vivia na época, porém Lillian é uma personagem tão forte que não se mostra abatida facilmente e isso fora o que mais me conquistou nela.
Ela não se fazia de vítima e esperava consolo. Ela simplesmente dava a cara á tapa e saia de cabeça erguida, mesmo se sentindo envergonhada.
Já Marcus é pura fachada, ele demostra que não está nem aí para nada, mas na realidade sabe todos os passos de Lillian. Diz tanto que a odeia, mas sempre em alguma conversa tem que tocar no nome dela e dizer o quanto ela é inconveniente, mas nem o leitor ele consegue enganar rs
A narrativa continua fluida e se você, caro leitor, estiver atrás de um livro que lhe tire risadas, suspiros e que dá um tapa na cara dos preconceitos da sociedade, eis o livro certo para você.

Próximos livros (ainda não lançados):
Ps: Uma capa mais maravilhosa que a outra

Beijos da Bruh





Resenha - Seis anos depois.



Oi meus amores!
Faz tempo que não publico uma resenha né? Ultimamente as resenhas estão a cargo da Bruna, mas hoje venho trazer um livro que me surpreendeu e não poderia deixar de indicá-lo a vocês.

“Você acredita em amor à primeira vista? Nem eu. Mas acredito numa grande atração à primeira vista, mais que física. Acho que de vez em quando - em uma ou duas ocasiões na vida - nos sentimos fascinados por uma pessoa, de forma muito profunda, primordial e imediata, um encanto mais que magnético.”

A trama começa com Jacob Fisher, um homem charmoso, mais conhecido como Jake, sentando em um banco de igreja a assistindo a um casamento. Nathalie, sua agora ex namorada, o dispensou para casar com Todd, homem que ela dizia amar a muito tempo. Após a cerimônia ela fez Jake prometer que a deixaria em paz e nunca mais procuraria por ela. A narração do prólogo é um pouco deprimente e dá muita dó do Jake.

“Sentei-me no ultimo banco da igreja e fiquei assistindo à única mulher que amaria na vida se casar com outro homem”

Seis anos se passaram e, Jake, é o típico professor “queridinho” de universidade, ele cumprimenta a todos, dá concelhos e até tem até horários exclusivos para conversas individuais com alunos, onde eles podem falar sobre o que quiserem com o professor. Mas é claro, seu relacionamento com os alunos não passa do profissional, a vida de Jake é simples e controlada, professor de trinta e poucos anos, solteiro, adorado por seus alunos, que gosta de sair para beber com seu melhor amigo. Isso é a sua rotina, até que um dia, Jake vê um obituário que chama sua atenção, Todd, marido de sua ex namorada e grande amor de sua vida, faleceu. Essa notícia traz sentimos que foram guardados por 6 anos, durante esse tempo, a promessa foi cumprida, mas com a morte de Todd, Jake se sente dividido entre procurar seu amor, e continuar a cumprir a promessa.

“Uma característica da condição humana é que todos pensamos que somos singularmente complexos, ao passo que os outros são mais fáceis de compreender. Não é verdade, claro. Todos têm seus sonhos, esperanças, vontades desejos e mágoas. Todos têm um tipo próprio de loucura.”

Por motivos que o próprio Jake não sabe, ele pega um avião e vai ao enterro de Todd, e mais uma vez ele está em uma igreja com Todd e Nathalie, bem, isso é o que ele pensa, até conhecer a esposa e os filhos de Todd e descobrir que Nathalie não está lá. Jake é do tipo curioso, e não consegue se conformar com o que viu, isso o faz ir atrás de seu grande amor, mas encontra-la não será assim tão fácil, e pode custar vidas, inclusive a sua.
Não vou falar mais sobre a trama pois sei que darei spoilers... hahah

O livro é mais do que um thriller policial, ele é também uma incrível e envolvente história de amor. O principal trunfo de Seis Anos Depois, é a velocidade de seu enredo, combinado por segredos em cima de segredos, surpresas e mistérios que vão sendo desvendados conforme cada capitulo avança. O desenrolar da trama embaraça a cabeça do leitor com grande facilidade, fazendo com que você nunca saiba quem é "mocinho" e quem é bandido, ou qual o próximo acontecimento.
O livro é narrado em primeira pessoa e nosso narrador, Jake, é um personagem muito carismático e sarcástico, é difícil não gostar dele. De forma superficial, talvez até ao ler essa resenha, Jake pareça um romântico meloso e obcecado. Mas garanto que ele não é, sua curiosidade se transforma na mesma que a do leitor, e estou certa que você não vai querer que ele pare de procurar pela Nathalie.
Como eu nunca tinha lido nada do Harlan Coben, a leitura desse livro realmente me surpreendeu e já estou procurando mais obras do autor.
Beijos,
Juh Bernardo

Resenha - Segredos de uma noite de Verão

Olá pessoas, como vão?

Lá vem eu de novo falar de uma série histórica... kkkk    Já conhecem Lisa Kleypas?

Eu encarei uma série de seis livros dela e me apaixonei num grau que (lá vem o clichê) leria até a lista de compras dela! #soudessas
Os livros dessa série contam a história de quatro mulheres que ficaram "pra titia". Cansadas de serem deixadas de lado pela sociedade e quase nunca dançar em um baile, elas decidem unir forças com um objetivo único: casamento.
Em Segredos de uma noite de Verão conhecemos Annabelle Payton que, apesar de sua beleza e de seu encanto, nunca fora de ter muitos pretendentes. Sua família está com grandes dificuldades financeiras, desse modo, Anabelle não tem nem um dote para atrair um bom partido, e o amor (ah, o amor) é um luxo que ela não pode se dar.
Porém a vida de Anabelle está prestes a mudar, em um dos bailes da temporada ela conhece três moças que também estão cansadas de estarem sozinhas, sendo assim, elas resolvem dar início a um plano: usar de todo charme e astúcia feminina para encontrar um marido e como Anabelle é a mais velha, será a primeira missão.
Ao fazer listas de possíveis pretendentes e de, contar com a ajuda de suas novas amigas, Anabelle começa então a estudar as suas possibilidades.
Ignorando a música e os casais que rodopiavam à frente delas, as quatro trabalhavam cuidadosamente na lista de maridos potenciais.  Uma vez ou outra, riam tanto que atraíam olhares curiosos de quem passava por perto. 
– Sosseguem – disse Annabelle, fazendo esforço para soar rígida. – Não queremos que ninguém suspeite do que estamos planejando...
Todas tentaram assumir expressões sérias, o que disparou espasmos de risos.
– Ah, veja – disse Lillian com um suspiro, observando as listas de perspectivas matrimoniais. – Pela primeira vez os nossos cartões de dança estão preenchidos. – Considerando o rol dos solteiros, ela contraiu os lábios, pensativa. – E me parece que alguns destes cavalheiros provavelmente estarão na festa do final da temporada de Westcliff. Daisy e eu já fomos convidadas. E você, Annabelle?
– Tenho intimidade com uma das irmãs dele – comentou. – Posso fazer com que ela me convide. Implorarei se for necessário.– E eu vou comentar sobre você – acrescentou Lillian, confiante, depois sorriu para Evie. – E também vou pedir que a convide. 
– Como isso vai ser divertido! – exclamou Daisy. – O plano está definido então. Daqui a duas semanas invadimos Hampshire e encontramos um marido para Annabelle.
Todas estenderam as mãos e as uniram, sentindo-se ao mesmo tempo tolas, eufóricas e mais do que encorajadas. Talvez minha sorte esteja prestes a mudar, pensou Annabelle, e fechou os olhos com esperança.
Entretanto, há alguém  que se faz cada vez mais presente na vida de Anabelle: Simon Hunt. Rico e poderoso, ele vem de origem humilde e adora perturbá-la, seu interesse porém não é em matrimônio, mas sim em torná-la sua amante. Anabelle faz de tudo para rejeitá-lo, principalmente pelo o que ele faz, porém Simon é um ser persistente e sedutor, fazendo com que ela se sinta incapaz de dizer não.
- Como pode um filho de açougueiro ser rico? - perguntou Anabelle. - A menos que a população de Londres esteja consumindo muito mais carne e bacon do que estou ciente, não consigo encontrar outro meio para um açougueiro acumular tanta renda.
- Eu não disse que ele trabalhava na loja do pai - retrucou Jeremy com um tom superior. -Só disse que o conheci lá. Ele é empresário.
- Quer dizer um especulador financeiro? - Anabelle franziu a testa. 
Em uma sociedade que considerava vulgar falar ou pensar sobre as preocupações financeiras, não havia nada mais rude do que um homem que fizera carreira com investimentos.

Suas amigas veem que algo deve ser feito e se esforçam para encontrar um pretendente mais apropriado possível, mas a tarefa se complica quando, numa noite de verão, Anabelle se entrega aos beijos de Simon e descobre que o amor pode ser um jogo perigoso.

- Você... Você não deveria me olhar desse jeito.
Cortesmente, ele sussurrou em resposta:
- Com você aqui, não consigo olhar para mais nada.
No primeiro livro de As Quatro Estações do Amor, vemos Anabelle sair em busca de um marido, porém ela acaba encontrando amizades verdadeiras e desejos que ela jamais poderia imaginar,
O leitor começa a se apaixonar pela capa, depois pelo quarteto, pela história, enfim, até terminar o livro e perceber que NECESSITA dos outros. rs
Não inteirei vocês das outras três personagens, pois suas histórias serão contadas nos próximos livros, mas posso adiantar que cada uma é única ao seu modo. A série aborda preconceitos da época: filha sem dote, pessoas estrangeiras ou "largadas" a própria sorte; a sociedade não quer enxergar estas realidades e, simplesmente, deixa o que lhes intrigam de lado.
Os livros da Lisa são curtos, com narrativas super ritmadas e fluidas. Os personagens que ela cria, são um caso á parte: irresistivelmente apaixonantes. Como disse o livro aborda os preconceitos da época, mas nem a personagem principal escapa disso, e o leitor acaba tendo uma pequena raiva dela por destratar Simon pela sua origem. E isso deixam os personagens muito mais humanos aos nossos olhos.  Desse modo, este livro (na verdade, todos os livros dela) não trazem personagens perfeitos, imaculados; mas sim personagens que possuem seus inúmeros defeitos, mas que preferem aprender com eles, se tornando alguém melhor.
Nem preciso dizer que recomendo néh?

Beijos da Bruh

Nova editora parceira

Oie,
É nessa sexta-feira linda, com um sol maravilhoso (pelo menos aqui na minha cidade), que venho apresentar para vocês, nossa nova parceira, a Butterfly Editora!

http://www.editorabutterfly.com.br/
"Criada em 2002, a Butterfly Editora é um selo da Petit Editora, cuja proposta editorial é abrir espaço para que a imaginação literária possa alçar voos sem medo do diferente. A borboleta – ágil e multicolorida –, um símbolo de transformação representada em nossa marca, projeta-se no espaço, agitando-se em liberdade, independente, voando na direção de seus sonhos, vislumbrando um amplo horizonte de harmonia e beleza.

Nessa metáfora, que certamente reflete o desejo do ser humano, espelha o objetivo da editora: o de movimentar sentimentos, agilizar ideias, provocar raciocínios e reflexões.

A missão editorial não é apenas oferecer entretenimento ao público, mas também agregar valor e inspiração ao seu dia a dia. No Brasil, o selo Butterfly foi o primeiro a abordar o tema bullying e a existência de crianças índigo. Romances, sagas e trilogias de sucesso também fazem parte do catálogo.

A ousadia faz parte do selo, daí a frase que faz parte da sua logomarca:

ACEITE NOSSO DESAFIO. LEIA O DIFERENTE."

Alguns livros da editora:
Cara de um, focinho de outro - Marcos Fernandes

"Quem nunca teve um animal de estimação e compartilhou com ele os momentos mais incríveis de sua vida? Um segredo, uma alegria, uma dor...
Pois é sobre essa relação amorosa entre os tutores e seus animais de estimação que trata este livro. Uma relação antiga, mas que em momento algum da história da humanidade foi tão intensa.

Muitos dizem que o animal é o espelho de seu tutor. Mas o que faz com que essa relação seja tão forte? Existe alguma energia que os une? O que a ciência fala sobre essa união?

“A fidelidade que os animais dispensam a seus tutores humanos é indescritível, pois resgatam a pessoa das regiões mais sombrias de seus problemas e angústias, motivando a vida a seguir seu curso novamente”, explica o autor, que também é veterinário e psicanalista.
Descubra mais sobre essa relação de amor e fidelidade que ultrapassa o tempo e a razão. Você vai se surpreender."
Comprar

Coleção Sevenwaters - Juliet Marillier

Filha da Floresta - livro 1: No crepúsculo celta da velha Irlanda, quando o mito era lei, e a magia uma força da natureza, esta é a história de Sorcha, a sétima filha de um sétimo filho, o soturno Lorde Colum, e dos seus seis amados irmãos, vítimas de uma terrível maldição que somente Sorcha será capaz de quebrar. Em sua difícil tarefa, imposta pelos Seres da Floresta, a jovem se vê dividida entre o dever, que significa a quebra do encantamento que aprisiona seus irmãos, e um amor cada vez mais forte, e proibido, pelo guerreiro que lhe prometeu proteção.
Filho das Sombras - livro 2: Esta é a história da jovem Liadan, que, tal como sua mãe, Sorcha, herdou a habilidade de falar com os espíritos da floresta, os quais lhe segredam que ela deve permanecer para sempre em Sevenwaters se quiser que as Ilhas Sagradas sejam retomadas dos bretões. Os clãs estão mergulhados numa grande guerra, em que um misterioso homem é temido e reconhecido como um mercenário feroz. E, assim como sua mãe no passado, Liadan acaba sendo capturada e sente-se cada vez mais atraída pelo ser sombrio, apesar de saber da maldição da profecia que os Seres da Floresta lhe preveniram.
Filha da Profecia - livro 3: Fainne é criada pelo pai, Ciarán, em uma terra distante. Mas ao se tornar adolescente é visitada pela avó, a malévola feiticeira Lady Oonagh, que a obriga a embarcar em uma terrível missão: infiltrar-se na família, em Sevenwaters, e impedir que seu tio Sean e seus aliados reconquistem as Ilhas Sagradas, invadidas há gerações pelos escandinavos. Educada pelo pai, usando seus dons de magia para o bem, ela, no entanto, agora se vê forçada a usar de artimanhas e maldades para atingir os objetivos de vingança de sua avó. A grande batalha de Sevenwaters e o destino da humanidade estão agora em suas mãos.
Comprar Box 
Comprar livro 01
Comprar livro 02
Comprar livro 03

Amor além da vida - Richard Matheson

"Se você amou o filme, vai adorar o livro! Chris é casado com Annie e eles formam um casal apaixonado. A felicidade dos dois se desvanece quando Chris sofre um acidente fatal. No Além, ele é amparado e empenha-se em ajudar seu grande amor. Descubra, entre dois mundos, a incrível força do amor para a qual não existem barreiras."
Comprar





E aí? Já conheciam a editora? Qual sua opinião sobre ela?

Beijos,
Juh Bernardo

Novidades dos autores parceiros! #1

Oi pessoal!
Durante as próximas semanas, estarei atualizando vocês sobre as novidades dos autores mais adorados do blog.

Parceria renovada com Amanda Ághata Costa.

Nossa queridinha está de volta! xD
É com grande prazer que renovamos a parceria com ela, e temos muito papo para botar em dia! Após seu livro "A Escolhida" fazer sucesso com seu lançamento independente, autora conseguiu publicar seu livro pela editora arwen, o lançamento foi realizado no dia 20 de fevereiro em São Paulo. Vou ler a versão de Arwen e em breve falarei para vocês como ficou.

Ainda não conhece a Amanda?
Confira a entrevista que o blog fez com ela e também da resenha do livro:

Entrevista com Amanda


Um Minuto, Um Livro: Amanda, apresente-se para os leitores:
Amanda: Meu nome é Amanda Ághata Costa, moro no interior de Santa Catarina, tenho 21 anos e sou formada em Pedagogia. Trabalho com a educação infantil, mas independente da área em que atuo, lancei recentemente meu primeiro romance fantástico. Gosto de escutar músicas que tenham um ritmo melancólico e letras tristes, mesmo que as pessoas digam que isso é estranho. O estranho, aliás, geralmente me inspira. E as pequenas coisas da vida são as que eu acho que realmente merecem ser apreciadas. 
Leia mais...



Resenha "A Escolhida"


Quando começo a ler um livro com o intuito de resenhar, já fico mais atenta a quotes e trechos que possam ser importantes para resenha, só que tive um problema com esse livro, depois de ler o 4º capítulo, eu já tinha mais de 10 quotes... sério gente, fiquei até agora tentando escolher o que colocar na resenha. Antes de falar do livro, vou colocar a primeira quote que encontrei no livro, ainda no Prólogo.

"Pude compreender, então, que existem pessoas que surgem em  sua vida para mudá-la integralmente. Do início  ao fim. Que vão do céu ao inferno para salvá-lo  e, depois de tudo, ainda lhe garantem que os dias são fáceis, o universo é bonito e que você é a razão de tudo isso."


"A Escolhida" é aquele tipo de livro que te prende já no primeiro capitulo, é um livro de fantasia, daqueles com direito a anjos, vampiros, feiticeiros...

Beijos, Juh

Resenha - Procura-se um Marido

Olá Pessoas, tudo bem?
Vamos de nacional?

Sou muito suspeita em falar sobre os livros dessa autora, acompanho ela desde seu primeiro livro e a cada novo projeto que ela lança eu simplesmente surto haha Carina Rissi é simplesmente minha diva literária



Em Procura-se um Marido, conhecemos Alicia Moraes Bragança e Lima, ela mora com seu vô Narciso, sua única família. Por ele ser rico, Alicia vive uma vida confortável e desregrada, mas como está sempre sendo inconsequente, mesmo tendo um coração de ouro, Alicia o deixa muito preocupado.
Infelizmente, vô Narciso vem a falecer e, em meio a dor de sua perda, Alicia vê-se chocada com o testamento: se ela não se casar, não poderá reaver sua herança.
Assim, Alicia se torna uma assalariada, trabalhando num cargo baixo na empresa de seu avô, a L&M Cosméticos, e aprendendo a conquistar as coisas sozinha, dando um passo de cada vez.
Desse modo, a vida de contos de fada de Alicia vira um belo pesadelo, as pessoas da empresa a tratam como uma criança mimada, além disso, com o seu salário é impossível que ela viva da maneira de que estava acostumada.
Entre outros acontecimentos, Alicia cai em profundo desespero e resolve fazer uma loucura:

"PROCURA-SE UM MARIDO
para curta temporada. 
Homem entre 21 e 35 anos,
que tenha imóvel próprio e 
emprego estável, disponível p/
matrimônio. Boa aparência não é exigida.
Apresentação de antecedentes criminais 
obrigatória. Casamento apenas de aparências.
Sexo de qualquer tipo está excluso do acordo.
Paga-se bem no termino do acordo."

Bem, podemos imaginar os apuros que Alicia viverá depois desse feitio.
O anúncio proporciona a Alicia diversos pretendentes e encontros cômicos que nos tiram muitas risadas. Porém, dentre todos esses encontros, somente um fará seu coração balançar. E o "cara" em questão estava bem debaixo de seu nariz.

(...)
- Max - ele disse, colocando as mãos nos bolsos da calça preta e atraindo meu olhar quase que instantaneamente para seus quadris estreitos, o volume na... Desviei os olhos rapidamente.
- Hã? - perguntei.
- Meu nome é Max.
- Max? Tipo Vem aqui Max? - provoquei.
Ele pareceu constrangido.
- Não. Diminutivo de Maximus.
(...)
- É a sua cara - sorri.

A escrita da Carina é leve e fluida e a narrativa prende o leitor desde a primeira página.
Amo livros onde os personagens vão adquirindo maturidade ao longo da trama, reconhecendo seus erros e mudando de atitude ou ponto de vista e a Carina consegue fazer isso em todos os seus livros.
Procura-se um Marido é regado de suspiros, risadas, reflexões... Quando o leitor vê, já está na última página e sentindo saudades dos personagens.
Sempre digo que os livros da Carina são aqueles para ter sempre á mão, vira e mexe eu releio os livros ou abro nas passagens que mais gostei, além disso, sempre que estou na fossa literária eu leio um livro dela.
Procura-se um Marido ganhou um spin-off intitulado de Mentira Perfeita que trará como personagem principal o irmão de Max.

Mentira Perfeita será lançado em Abril desse ano e já está em pré-venda na Saraiva Online.
E aí? Já leram algum livro dessa diva?

Atualização: Vai ter Procura-se um Marido nas telonas sim! #amo

Beijos da Bruh ♥


Um minuto, um dica #16 - Açúcar, glitter, corantes e muita imaginação

Foi com esses quatro itens, uma sala sem vida e um monte de acessórios coloridos, que a artista australiana Tanya Schultz, criou obras fascinantes em um projeto que ficou conhecido como Pip & Pop.

A artista é apaixonada pelos desejos e sonhos descritos em contos populares e na mitologia grega, e a partir desse deslumbre, ela criou mini mundos incríveis, coloridos e super fofos.
O projeto Pip & Pop começou durante uma parceria com a artista Nicole Andrejevic. Mas desde 2011 Schultz segue sozinha nesse mundo encantado, e vez ou outra faz colaboração com outros artistas. Ela já expôs seu trabalho em países como Austrália, Japão e Reino Unido.
Então, vamos dar uma voltinha por esses mundos?

Confira alguns trabalhos:










E aí? gostaram da dica? Se quiser pode conferir mais trabalhos, é só clicar nesse link aqui:  http://www.pipandpop.com.au/

Beijos,
Juh Bernardo
 

© Template elaborado por Cantinho do Blog. Clique aqui e Encomende o seu! - 2015. Todos os direitos reservados.Imagens Crédito: Valfré